A ORDENAçãO DAS MULHERESheader

Responsive image

PORTãO

SETE RAZõES

DESAFIAR O PAPA?!

RECURSOS

NAVEGUE

Nederlands/Vlaams Deutsch Francais English language Spanish language Portuguese language Catalan Chinese Czech Malayalam Finnish Igbo
Japanese Korean Romanian Malay language Norwegian Swedish Polish Swahili Chichewa Tagalog Urdu
------------------------------------------------------------------------------------
Os argumentos teológicos

Os argumentos teológicos

Estamos a traduzir progressivamente as diferentes páginas.

Musica?

Neste documento utilizo o termo Roma para indicar tanto a Sagrada Congregação para a Doutrina da Fé, como o Santo Padre o Papa.

RomaArgumentos teológicos de Roma Liberdade de interrogarArgumentos teológicos opostos
    A história teológica da expressão ‘agir na pessoa de Cristo’.
As concepções biológicas antigas que conduziram os Padres da Igreja e os teólogos medievais a pensar que as mulheres não podiam agir na pessoa de Cristo.
O sacerdote age ‘na pessoa de Cristo’. Dado que Cristo era um homem, só um sacerdote do sexo masculino pode representar Cristo na Eucaristia.

Texto completo de Roma!
  O sacerdote não representa a masculinidade de Cristo mas sim o seu papel de mediador. Este pode e deve ser também representado por mulheres sacerdotes.
1. Porque mulheres e homens são iguais em Cristo;
2. As mulheres são também imagem de Cristo;
3. As mulheres agem já como um ‘outro Cristo’ quando ministram o baptismo e presidem ao casamento;
4. As mulheres reflectem melhor os traços femininos de Cristo;
5. As mulheres podem também representar o amor de Cristo que é a essência do seu sacerdócio.
No simbolismo da salvação, Cristo é o Esposo e a Igreja a Esposa. No ministério sacerdotal deve, pois, ser um homem a representar Cristo.
Texto completo de Roma!
A acção do sacerdote em nome da Igreja é de importância menor. Texto completo de Roma!
  A imagem do mistério nupcial não se aplica ao ministério sacerdotal. Quando essas alusões são feitas na liturgia, o simbolismo é ambivalente, , pois todos os cristãos representam tanto o Esposo como a Esposa.
Além disso, na Eucaristia o sacerdote age não somente ‘na pessoa de Cristo’ mas também ‘na pessoa da Igreja’.
Os direitos humanos, tais como a igualdade de homens e mulheres, não se aplicam aos ministérios.
Texto completo de Roma!

As mulheres que pensam ter vocação sacerdotal não são guiadas pelo Espírito. Porque só a Igreja tem o poder de decidir quem é chamado e quem não é.

Texto completo de Roma!
  Embora ninguém tenha o direito de ser ordenado, excluir do ministério sacerdotal toda uma categoria de baptizados, constitui uma verdadeira discriminação, tanto mais que não existe nenhum argumento válido que o justifique, nem nas Escrituras nem na Tradição.

5. O facto de outras Igrejas cristãs ordenarem mulheres assim como o facto de certas mulheres católicas se sentirem chamadas ao ministério sacerdotal, são sinais evidentes do Espírito Santo que a Igreja não pode ignorar.
Leia também ‘Equal but different?’ por Ida Raming.
    Conclusão: não existem argumentos teológicos válidos que proíbam a ordenação das mulheres.

Webmaster Magistério Tradição Home Escrituras Escreva!

Escreva! Carregue aqui, se deseja apoiar a nossa campanha a favor da ordenação das mulheres.
Credits for the music?

Traduzido por Idalina Vieira